• Cardiomed

EDUCAÇÃO FINANCEIRA PARA MÉDICOS

Anos das nossas vidas são dedicados ao aprendizado necessário para cuidar da saúde dos nossos pacientes e ao cuidado propriamente dito. Para que ao final do nosso ciclo profissional possamos desfrutar de alguma segurança em nossa vida, é importante que dediquemos, desde o início da nossa carreira, algum tempo para aprendermos como cuidar da nossa saúde financeira.

Começamos no vestibular mais concorrido. Mas esta etapa é apenas um ensaio do que vem pela frente. Provas atrás de provas com centenas de páginas de livros grossos como referência. Depois vem outra peneira dura de passar: a residência! 60 horas por semana de intenso estudo e trabalho. Plantões de dias a fio… após estes anos, usualmente mais de uma década, entramos no mercado e a sensação de estar sempre correndo atrás de atualização nos impõe uma rotina de estudo permanente, mas agora com a responsabilidade integral de ser responsável único pelos nossos pacientes. Em meio a essa maratona, casamos, temos filhos. Vem o mestrado, o doutorado, a chamada a qualquer momento por um dos nossos pacientes, nos coloca de prontidão permanente 24h por dia e 7 dias por semana. Os tempos de residência, muitas vezes nos dão saudades. E muitas vezes a remuneração recebida sequer é desfrutada, porque para nós, o trabalho nunca termina. Por isso, em meio a esta incrível jornada, temos que reservar algum tempo para pensar qual a melhor maneira de investirmos o reconhecimento da nossa missão. O tempo voa. E, de algum modo cuidar da nossa vida financeira é uma forma de nos proporcionar uma saída de cena segura no futuro e permitir que novos colegas sigam com o nosso bastão de Asclépio em frente”.


Fonte: Dr. Marcus Dias - Médico e Gestor Público


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo