• Cardiomed

DESCOBERTAS SOBRE A SAÚDE DO CORAÇÃO

Muitos imaginam que cuidar da saúde se resume a procurar o médico quando algo está fora do controle. Tão importante quanto é adotar hábitos benéficos, de forma que essas atitudes persistam ao longo dos anos. Recentemente, a Diretriz de Prevenção Cardiovascular da Sociedade Brasileira de Cardiologia ampliou as orientações sobre como evitar doenças cardiovasculares. Além dos cuidados com a alimentação e atividade física, a espiritualidade entrou para a lista de fatores que protegem o músculo cardíaco. Segundo o estudo, pessoas com algum tipo de fé costumam ser mais resilientes para enfrentar as adversidades do dia a dia. Outro destaque do documento é o papel da poluição e da falta de planejamento urbano. Altos níveis de ruído, violência, falta de saneamento básico e poluição atmosférica favorecem o aparecimento de doenças crônicas e infecciosas, ligadas às panes cardíacas. A SBC, aliás, demonstrou preocupação com a sujeira do ar, sobretudo porque os poluentes aumentam o estresse e trazem inflamações pelo corpo, o que contribui para o entupimento das artérias. Diante de fatores que sensibilizam a saúde do coração, adotar hábitos benéficos pode prolongar os anos de vida. A começar pelo fim do tabagismo: essa “autopoluição” do organismo, com efeitos ainda mais nocivos se misturada à do ar é uma agressão ao corpo.


FONTE: UNIMED


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo